Ipatinga, 22 de maio de 2024

Dia do Padre é celebrado na Igreja Matriz da Paróquia Senhor do Bonfim

08 de agosto de 2023   .    Notícias da Paróquia

“Se bem se compreendesse o que o sacerdote é na terra, morrer-se-ia, não de medo, mas de amor. (…) O sacerdócio é o amor do Coração de Jesus” ( afirmou São João Maria Vianney)

Na última segunda-feira, 07 de agosto, os presbíteros de nossa Diocese de Itabira-Coronel Fabriciano se reuniram para celebrar o Dia do Padre.

O encontro aconteceu na Paróquia Senhor do Bonfim, no município de Ipatinga. Os presbíteros foram acolhidos pelo pároco, Pe. Fernando Andrade para um café da manhã, depois celebraram a missa na Igreja Matriz da Paróquia do Senhor do Bonfim com a presidência do nosso bispo Dom Marco Aurélio Gubiotti e uma parcela muito significativa dos fiéis leigos e leigas da paróquia acolhedora. Após a celebração eucarística, a fraternidade se estendeu com um almoço oferecido pela paróquia.

O Dia do Padre é celebrado em 04 de agosto devido à celebração litúrgica de São João Maria Vianney, considerado padroeiro dos padres. O Santo Cura D’Ars enfrentou grandes problemas no caminho da formação presbiteral, em virtude de suas dificuldades em relação aos estudos. Como padre, destacou-se pela obediência, caridade, piedade e perseverança na fé em Cristo. Tornou-se num dos mais famosos confessores da Igreja Católica. Por isso, em 1929, foi proclamado pelo Papa Pio XI como “homem extraordinário e todo apostólico, padroeiro celeste de todos os párocos de Roma e do mundo católico”.

No Brasil, onde agosto foi instituído como o mês vocacional, cada domingo e dedicado a uma vocação específica, sendo no primeiro o ministério ordenado, pela proximidade com o Dia do Padre e do Santo Cura D’Ars.

O Dia do Padre é uma oportunidade preciosa para refletirmos sobre a importância desse ministério sacerdotal, que remonta aos próprios ensinamentos de Nosso Senhor Jesus Cristo, que escolheu os apóstolos para continuarem sua missão na Terra. Desde então, a sucessão apostólica tem sido mantida através da ordenação sacramental dos sacerdotes, os quais, em comunhão com os bispos, pastoreiam a Igreja e conduzem os fiéis no caminho da salvação.

“No Dia do Padre, exaltemos a dedicação e a abnegação desses homens que, dia após dia, caminham ao lado do povo de Deus, compartilhando suas alegrias e tristezas, suas lutas e vitórias. São homens que renunciam a uma vida familiar para se tornarem pais espirituais de inúmeras famílias. Eles consagram suas vidas para tornarem-se verdadeiros instrumentos da graça divina, levando a misericórdia e o perdão do Pai Celestial aos corações arrependidos”, ressaltou Dom Marco Aurélio em sua homilia.

Que Deus continue abençoar todos os presbíteros e suscite em nossas comunidades eclesiais santas vocações para o ministério ordenado.

Pe. Ueliton Neves da Silva
Assessor Diocesano de Comunicação

FacebookWhatsAppTwitter